Semana de Mudanças Jurídicas

Bom dia queridos, graça e paz sejam com todos vocês.
Esta semana tem sido bem movimentada em nosso país.

1° Começamos a semana vendo um dos ministros da presidente Dilma tentando ficar no poder, mas antes que acabasse a semana o ministro Orlando Silva enviou sua carta de demissão a presidente depois de ficar insustentável sua presença no governo em meio a denuncias de corrupção, dando lugar assim a Aldo Rabelo, o mais novo ministro do governo Dilma.


2° Esta semana o STJ (Superior Tribunal de Justiça) decidiu a favor do casamento homoafetivo, defirindo sobre o pedido de duas pessoas do mesmo sexo para o casamento. Assim abriu se novo precedente, atestando um entendimento judirico, sobre casamento de pessoas do mesmo sexo. Até então a primeira vitória do seguimento tinha sido no STF (Suprema corte brasileira) que havia decidido por equiparar a união homoafetiva a união estável. Isso dava aos homossexuais o direito principalmente sobre bens e também questões de Inss. Agora com o esta decisão do STJ não mais só a União Estável está para este segmento como também o casamento, até então regulado no código civil para pessoas de sexo oposto. O ativismo jurídico tem feito que o poder judiciário legisle, o que seria do poder legislativo, o fato é que estas mudanças mudam o panorama da sociedade brasileira. Que o Senhor Jesus nos ajude, a avançar mesmo quando temos estes tipos de problemasm que pelo menos o estado de Direito Seja no todo espeitado e não passamos a viver uma Ditadura de grupos no Brasil, mas que se respeito a Constituição Federal de 88. Cada pessoa como gênero humano merece seu respeito desde que saiba respeitar o direito do outro. Não perdendo de vista que embora respeitamos cada pessoa e grupo, não abrimos mão da livre convicção e da liberdade de culto, direito sacramentado no Art. 5° da C.F./88.



3° O STF decidiu pela constitucionalidade do exame da OAB (Ordem do Advogados de Uberlândia), assim que continuaremos a ter os exames de ordem para novos advogados, ou seja quem quiser se tornar advogado precisará prestar a prova da ordem. Depois de muito bla bla bla, então esta decidido sobre o tema. Melhor para nós que advogamos, assim teremos a seguranças que aventureiros ou despreparados não entrarão para a profissão e não irão denegrir a as vezes desgastada imagem do Advogado, tão essencial na administração da justiça. Certamente que há pessoas com desvio de caráter em todas as áreas profissionais da vida ( e até mesmo no mundo cristão ministerial, infelismente), porém isso é a exceção e não a regra. Parabéns ao STF pela decisão Acertada.


Bom amigos e irmãos queria só compartilhar estas notícias que de certa maneira me deixam preocupado, mas....


Em Cristo Jesus,

Pr. Jefferson Souza

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Igreja Apostólica Unicista no Brasil

Havendo Feito Tudo Ficai Firmes

Aniversário de um grande Homem de Deus